CATEGORIA
Notícias

Pioneer apresenta novo leitor CDJ-3000

11 Setembro, 2020 - 9:55

Com novas funcionalidades, o CDJ-3000 foi revelado pela Pioneer na quinta-feira.

O novo CDJ, segundo a Pioneer, é o leitor mais avançado que alguma vez criaram. Muito graças ao seu microprocessador, é possível uma maior estabilidade e rapidez, com acesso a funções que anteriormente não estavam disponíveis.

Os hot cues carregam mais rápido, com oito botões ao dispor, tem ligação ethernet, há Pro DJ Link Lighting, que permite sincronizar luzes com o som através do RB-DMX1, waveform das diferentes faixas no ecrã e, entre outros pormenores, auto-beat loop de 4 ou 8 tempos. O ecrã, para além de ter 9 polegadas, é também táctil, tem mais atalhos, organização e permite regular o brilho. E, agora, também os botões de cue são tácteis.

A jog-wheel é mais sensível, tem menos latência e um pequeno ecrã que permite verificar a posição da faixa e a capa do álbum referente à música que está a ser reproduzida. E, claro, a compatibilidade com o Rekordbox mantém-se. Curiosamente, deixa de haver leitor de CDs, embora seja possível reproduzir música através de meios tão distintos quanto um cartão de memória SD ou um iPhone.

A Pioneer é uma marca que tem estado na linha da frente em material de DJing. Entre 1992 e 2020, para além de CDJs, investiu em gira-discos e, também, em controladores VJ. O primeiro CDJ lançado foi em 1992, o CDJ-300; em 1994, o CDJ-500, por muitos considerado como o primeiro tendo, mais tarde, dado origem a outras séries – CDJ-500 II e CDJ-500s. Este leitor de CDs foi o primeiro a ter modo loop, live cue e master tempo.

A Pioneer conta com mais de 15 modelos de CDJs, entre eles a reconhecida e amplamente usada série Nexus. O preço do novo leitor deve rondar os 2,399€.


relacionados

Deixa um comentário



t

o

p