AUTOR

A Cabine

CATEGORIA
Estreia

ESTREIA: RLGNS & Vasco Completo – passionately

17 Dezembro, 2020 - 12:00

RLGNS e Vasco Completo trabalharam apaixonadamente no seu primeiro EP como trio e nós temos um dos temas para ouvir em exclusivo.

Se no Reino Unido vemos a trindade formada por Burial, Four Tet e Thom Yorke a lançar dois novos temas, por aqui vemos Escumalha, João Medley e Vasco Completo a editarem o primeiro par de músicas em colaboração. Já os tínhamos visto juntos este ano, num remix que considerámos altamente viciante, mas só agora é que compõem como trio em “passionately uncaring”, EP que será editado esta sexta-feira, dia 18.

Em estreia n’A Cabine está o tema que abre o trabalho, passionately, fruto de um “processo criativo rico e dinâmico”. Como nos explica Vasco Completo, este “enviou um loop e parte do arranjo” da faixa, “Escumalha trabalhou muito na estrutura” e Medley esteve “atento a como o conceito se relaciona com estas construções e adicionou muitos detalhes que definem a música de todo o EP”.

A composição “consistiu na troca de ideias online e divisão de tarefas e aconteceu de uma forma bastante espontânea e democrática”, recordam os RLGNS: “as partes instrumentais como guitarra, baixo e synths foram inteiramente tocadas pelo Vasco enquanto que a parte eletrónica como beats e texturas” ficou a cargo da dupla lisboeta.

“Conceptualmente”, contam, a ideia passou por escrever “duas músicas com significados opostos baseados na personalidade emocionalmente instável de um colega de casa que um de nós conviveu diariamente”. Nas palavras dos RLGNS, passionately “reflete um ambiente mais sereno e nostálgico”, “com beats mais espaçados em que as texturas completam” a base harmónica da guitarra. Já uncaring “tem um ambiente mais soturno e melancólico em que as texturas e ambientais convivem com a natureza algo caótica e incerta do beat”.

“Foi um processo muito natural”, conta-nos Vasco Completo: “nós já somos amigos há uns anos. Eu admiro o trabalho dos RLGNS desde cedo e sempre partilhámos referências musicais”. Por isso, o membro do coletivo Monster Jinx acha “particularmente curioso” que, apesar das “sonoridades tão distintas em determinados aspetos”, o “lado [dos RLGNS] mais club e beat-based” se “conjugue muito bem” com “os pormenores e estruturas mais melódicas e ambientais” de Vasco.

Ainda segundo Vasco Completo, é possível que este trio volte a “trabalhar novamente no futuro” dado que “isto funcionou tudo muito bem e de maneira muito fluida”. Mas enquanto não chega esse momento, há tempo para apreciar a natureza “dançável mas contemplativa” de “passionately uncaring”, cujo apaixonante primeiro avanço pode ser encontrado abaixo:

Fotografia por Beatriz Passos

relacionados

Estreia

Deixa um comentário






t

o

p