AUTOR

A Cabine

CATEGORIA
Notícias

António Costa: raves e ‘covid parties’ são “um dos fatores de maior risco”

5 Junho, 2020 - 14:22

Na quinta-feira, o primeiro-ministro António Costa voltou ainda a afirmar que não há “cenário previsível para a abertura de discotecas”.

“Um dos fatores de maior risco, neste momento, são as raves, as covid parties, as festas particulares”, disse António Costa em entrevista à TVI. “Imagino que ter jovens confinados ao fim deste tempo todo deve ser difícil. Agora, é evidente que toda essa atividade depois tem, inevitavelmente, consequências”.

“Como os mais jovens têm a sensação, ouviram e foram ouvindo que têm menos risco de serem contaminados e que a contaminação é menos perigosa, sentem menor risco. Essa sensação de menor risco é extremamente perigosa”, mencionou o primeiro-ministro na entrevista.

Na quinta-feira, após Conselho de Ministros, António Costa referiu que não há “cenário previsível para a abertura de discotecas” e que estas devem permanecer encerradas, “não inventando discotecas em espaços públicos ou privados alternativos”. Nessas declarações, citadas pela imprensa, o primeiro-ministro não fez referência a bares.

Também na quinta-feira, a Associação de Bares e Discotecas da Movida do Porto anunciou que vai avançar com uma manifestação na segunda-feira 8, associação esta que acredita que o setor pode reabrir “numa primeira fase” a partir de dia 15 de junho, e que defende ainda uma redução do IVA, isenção da TSU até o final de 2021 e um prolongamento do layoff para todos os trabalhadores da área.

Relembre-se que na Ilha da Madeira bares e discotecas já podem reabrir, ainda que com limitações.

Direitos de imagem reservados (fotografia retirada das plataformas de media sociais oficiais de António Costa)

relacionados

1

  • Manuel Tuga

    Reply
    13 Junho, 2020 - 12:17

    Os judeus dos media e da politica, já podem estar num estúdio (onde se encontram mais de vinte pessoas, se pensarem um bocado e se lembrarem que não é só o “famoso” ou “famosos” que aparecem, existe toda a equipa técnica) sem máscara, a fazer a festa da decepção das massas!

    Palhaçada!

Deixa um comentário



t

o

p