AUTOR

A Cabine

CATEGORIA
Lançamento, Notícias

ZABRA lança compilação que é também uma exposição virtual

15 Maio, 2020 - 16:22

“Intercepção” assinala o 10º lançamento da lisboeta ZABRA Records e também o seu segundo aniversário.

Nesta “galeria imaginária”, “os músicos convidados foram desafiados a compor uma peça sonora para uma peça artística que lhes foi atribuída”. Ao longo da compilação e exposição, há música de cinco nomes nacionais e de outros cinco internacionais, nomeadamente de Aires, Bliss Currency, Cucina Povera, Evitceles, Galtier, Herbert Quain, i-ne-s, KuTHi JiN, Lachrin e VVTNSS.

Editada esta sexta-feira, “Intercepção” está disponível em exclusivo no site da ZABRA durante 15 dias. Por lá, há 10 espaços imaginários distintos, “onde os interpretes se encontram espalhados por diferentes salas e acompanhados pelos esboços das peças” artísticas nas quais se inspiraram para esta compilação.

“A ideia-chave do projeto é o conceito de intercepção”, lê-se em comunicado. “Com base na ideia de um espaço de exposição imaginário”, explica a editora, “dez músicos foram convidados a produzir a paisagem sonora de cada sala. Cada músico foi provocado por um projeto ficcional diferente, com uma descrição de uma possível peça ou exercício, com hipóteses físicas e conceitos teóricos de como poderia ser na realidade. Os esboços destes projetos ficcionais incluíam arte em vídeo, pintura, imagens roubadas e encontradas, instalação e performance”.

O conceito foi criado por João Pedro Fonseca, que esteve também a cargo do artwork e da curadoria, enquanto Manuel Bogalheiro ficou responsável pelo texto e curadoria adicional, e Filipa Henriques pela revisão.

A partir de junho, “Intercepção” está disponível nas restantes plataformas habituais, como Bandcamp. Até lá, já sabem: visitem a compilação-exposição no site oficial, aqui.

relacionados

Deixa um comentário






t

o

p